Morreu no hospital em Pato Branco o homem que trocou tiros com a polícia militar no domingo à noite em Coronel Vivida

Na manhã desta quarta-feira, dia 12 de junho foi confirmada a morte de Anderson Amaral, (vulgo zóio), o qual havia trocado tiros com a polícia militar no domingo à noite em Coronel Vivida. Anderson estava internado desde o domingo, mas infelizmente não resistiu ao ferimento e acabou entrando em óbito.

Relembre a ocorrência:

Policia Militar prende autor de disparos de arma de fogo em segurança de baile na comunidade de Vista Alegre interior de Coronel Vivida
As equipes Policiais Militares foram informadas de que acontecera uma briga entre seguranças e um grupo de pessoas que estavam em um baile no Clube Tradição na comunidade de Vista Alegre e que um destes havia baleado um segurança acertando um tiro em seu quadril e se evadiram sentido município de Coronel Vivida, em um veículo Golf de cor branca, um Gol de cor vermelha e um Gol de cor preta. Foram então efetuadas buscas, sendo localizado o veículo Vw/Gol de cor preta, dando voz de abordagem o qual não acatou a ordem de parada, fugindo em alta velocidade, sendo então realizado acompanhamento tático e logrado êxito na abordagem. No momento em que foi dado ordem para que descessem do veículo, um indivíduo que estava no banco traseiro desembarcou com uma arma de fogo em punho e realizou disparos em direção a equipe policial, os quais não foram atingidos. Diante da injusta agressão, foram realizados disparos pela equipe Policial Militar, atingindo o agressor, o qual veio a cair. Foi aprendido com o mesmo uma pistola marca Taurus, modelo PT57 SC, calibre 7,65mm, com 1(uma) munição na câmara e outras 4 (quatro) no carregador. De imediato, foi acionado o atendimento médico, o qual foi socorrido e encaminhado para a UPA, deste município. Em busca veicular, foi localizado dentro do mesmo, um facão de aproximadamente 45cm de lâmina. Em busca no terreno, foi localizado um estojo de munição 7,65mm. Foi também constatado que o condutor do veículo se encontrava visivelmente alcoolizado. 
Diante dos fatos o autor ficou detido no hospital sob escolta policial e os outros dois que estavam com ele no veiculo foram detidos e encaminhados até a delegacia de Pato Branco.

Topo