logo

A SEGUIR

"Amanhecer no Sertão"

06:05:00 - 06:50:00

"O Homem e a Terra"

06:50:00 - 07:00:00

Equipes que trabalham com o matrimônio participam de formação em Beltrão

A Diocese de Palmas-Francisco Beltrão vive um novo momento a respeito da preparação e celebração dos sacramentos. A comissão que está preparando o Novo Diretório, realiza encontros de formação para os agentes de pastoral.

O Diretório vigente desde 1995, passa por um processo de revisão. A preparação para os noivos bem como para os casais que vivem em união consensual e pedem o sacramento do matrimônio, também entra numa nova modalidade.

A formação personalizada, através de visitas de casais, é uma exigência da Igreja, esclarece Pe. Emerson Detoni: “É um processo catecumenal. As Paróquias vão adaptando-se aos poucos. O Papa Francisco tem falado, nas suas catequeses, da importância do trabalho personalizado com o matrimônio”.

O primeiro encontro de formação foi no sábado, 11 de maio, para os decanatos de Palmas, Pato Branco, São João e Barracão. No dia 29 de junho, para os decanatos de Francisco Beltrão, Realeza e Dois Vizinhos, diz Anézia Bonetti, da Coordenação da Pastoral Familiar: “É uma catequese de noivos com subsídio da CNBB. A formação foi direcionada às equipes que trabalham como os noivos e com a celebração do matrimônio”.

Destaca Pe. Vagner Raitz que para a celebração do Matrimônio, as orientações previstas no novo diretório da Diocese estão em consonância com a CNBB. E que o local adequado para a celebração sacramento é a Igreja: “O Sacramento do Matrimônio pode ser celebrado dentro da Missa ou com apenas a celebração fora da Missa e a Igreja é o local adequado, especialmente na Paróquia de um dos noivos para mostrar o vínculo com a comunidade. Tratamos também da ornamentação da Igreja, músicas apropriadas. A ostentação não pode obscurecer a riqueza do Sacramento do Matrimônio”.

Topo