Ao vivo

Amigos pela Fé

20:00 até as 22:00

a seguir:

Experiência de Deus

com Pe. Reginaldo Manzotti

22:00 até as 23:00

Notícias

União do Apostolado Católico do Brasil realiza Encontro Nacional em Campo Grande

04/06/18 10:06

No Ano do Laicato cerca de 220 palotinos e palotinas de diversas regiões do país participaram do IV Encontro Nacional da União do Apostolado Católico (UAC), ocorrido nos dias 31 de maio a 03 de junho de 2018, na Paróquia São Judas Tadeu, em Campo Grande (MS), com o tema “Palotinos: Igreja em Missão”, promovido pelo Conselho Nacional de Coordenação da UAC.

Segundo o coordenador Nacional da UAC, padre Gilberto Orsolin, o encontro teve como objetivo a convivência fraterna dos membros através de momentos de formação, espiritualidade, aprofundamento e partilha da vivência do carisma palotino.

Durante a programação foi tratado sobre a UAC como uma associação de fiéis para a promoção da doutrina social da Igreja (padre Denílson Geraldo), o valor do silêncio da integração pessoal (padre Valdeci de Almeida), a teologia do Cenáculo em São Vicente Pallotti (dom Edgar Xavier Ertl), a motivação do cristão para a vivência e testemunho da fé (Sr. Daniel Godri). Também sobre Jesus Cristo, Apóstolo do Pai Eterno (padre Ângelo Londero), UAC uma família apostólica – fundação ligada à experiência de Cristo (Ir. Josélia Giuliani) e a missão da Igreja e missão palotina (Pe. Daniel Rocchetti). Presidiu a celebração do terceiro dia dom Dimas Lara Barbosa, Arcebispo da Arquidiocese de Campo Grande. (Palestras disponibilizadas aqui).

O Conselheiro Geral, padre Denílson Geraldo, trouxe uma saudação do Conselho Geral da Sociedade do Apostolado Católico. “Queremos que o carisma de São Vicente Pallotti resplandeça como luz no mundo em que nós estamos, marcado por trevas, ódio e divisões. Vemos o carisma do fundador, vivenciado pelos membros da UAC, uma obra do Espírito Santo e luz para o mundo presente”. Também foi lida a mensagem da presidente do Conselho de Coordenação Geral da UAC, Sra. Donatella Accerbi, de Roma.

O bispo palotino da Diocese de Palmas/Francisco Beltrão (PR), dom Edgar Xavier Ertl, palestrou sobre a teologia do Cenáculo e afirmou que a fundação de São Vicente Pallotti tem um ponto de partida. “A Igreja nasceu no Cenáculo onde o Senhor soprou o Espírito Santo e os discípulos saíram para o mundo. O nosso fundador desenvolveu uma teologia a partir do Cenáculo e colocou sua fundação sob o patrocínio de Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos, que promove a unidade da oração e da derivação de toda a nossa missão”, explicou.

Para a leiga Maria Antonia Pereira de Souza, de Teresina (PI), a distância era o grande desafio, mas a experiência vivida superou as expectativas. “Pela distância nos questionamos se valeria a pena participar. Sentimos que valeu a pena por ter renovado a nossa fé, o conhecimento e a convicção de que o carisma de São Vicente Pallotti também é o nosso. Isso nos enche de alegria e nos leva a propagar o amor e sair de nossa acomodação”, partilhou.

De acordo com padre Gilberto, o encontro teve uma preparação ao longo de um ano pelo Conselho Nacional e a partir disso as equipes, os Conselhos Locais, as paróquias e comunidades foram se organizando até a sua concretização. “A participação surpreendeu devido à circunstância da greve e superou as expectativas. O Encontro foi excelente pelo conteúdo, vivências, orações, celebrações, partilhas, aprendizados e cumpriu com seu objetivo. Foram levantados nas palestras diversos aspectos que deveremos acentuar daqui em diante, por exemplo, nos dedicar mais na Pastoral da Família, juventudes, cuidado com os idosos, as crianças, e especialmente com os pobres. Sentimos uma grande carência de formação cristã. Pallotti não formou palotinos. Ele quis que fizéssemos uma experiência com Jesus Cristo para testemunhá-lo. Ser testemunha de Jesus Cristo é a grande mensagem que levamos”, avaliou Orsolin.

Na celebração eucarística de encerramento, presidida pelo padre Gilberto Orsolin, 11 leigos e leigas fizeram o Ato de Compromisso Apostólico na UAC. Também um grande número renovou seu compromisso. Esse ato consiste na consciência de viver melhor o próprio batismo junto a sua família, na comunidade e, sobretudo, na sociedade, conforme o carisma e espiritualidade de São Vicente Pallotti. Para concluir, na homilia, Orsolin destacou apenas um ponto como compromisso prático: o cuidado com os idosos. “Os idosos são desconsiderados e invisíveis na sociedade. Vamos assumir uma pessoa idosa e doente. É um grande gesto concreto que nos enriquece em humanidade. Vamos convidar os jovens para essa experiência com a pessoa idosa”, concluiu.

Por Pe. Judinei Vanzeto SAC





› Voltar

› Veja todas as noticias

PARCEIROS

PREVISÃO DO TEMPO

PROGRAMAÇÃO DO DIA

  • › 06:00 às 06:05 - Oração da Manhã
  • › 07:00 às 07:30 - RVP Notícias 1a Edição
  • › 07:30 às 10:00 - Bom Dia Cidade
  • › 10:00 às 11:50 - Alma da Terra
  • › 11:50 às 12:00 - A Voz da Esperança
  • › 12:00 às 12:05 - Pref. Munic. Coronel Vivida
  • › 12:05 às 12:30 - RVP Notícias 2a Edição
  • › 12:30 às 13:00 - Destaques Esportivos
  • › 13:00 às 15:00 - Sementes da Nossa Terra
  • › 15:00 às 15:30 - A Hora da Misericórdia
  • › 15:30 às 17:00 - Show da Tarde
  • › 17:00 às 19:00 - Entardecer Musical
  • › 19:00 às 20:00 - A Voz do Brasil
  • › 20:00 às 22:00 - Amigos pela Fé
  • › 22:00 às 23:00 - Experiência de Deus
  • › Veja toda a nossa programação