Ao vivo

Experiência de Deus

com Pe. Reginaldo Manzotti

22:00 até as 23:00

a seguir:

com

até as

Notícias

Prefeitos do Sudoeste do PR terão que dizer não e população ter compreensão, alerta presidente da AMSOP.

17/02/17 11:02

Os prefeitos do Sudoeste do PR, que assumiram em primeiro de Janeiro, vivem um momento de insegurança em que deverão adotar posturas firmes e de planejamento para poder governar. O quadro exige profissionalismo das administrações e compreensão da população. A análise foi feita presidente da Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná (AMSOP), Frank Ariel Schiavini – prefeito de Coronel Vivida ao RBJ.
“É um ano de insegurança, de mandato difícil, momento em que os prefeitos terão que ter a capacidade de dizer não e ter pulso firme, sob pena de um fracasso administrativo”, avaliou.
Conforme ele, todo esse quadro de dificuldade já vem de 2016, quando os prefeitos só foram salvos e fecharam os exercícios graças ao repasse, pelo governo federal, de verba extra das repatriações de dinheiro brasileiro que estava no exterior de forma ilegal. Projetou que em 2017 os recursos deverão ter um acréscimo máximo de 5%, percentual menor que a inflação para o período, em torno de 7%, o que ocasionará déficit entre a arrecadação e as despesas das prefeituras.
Apontou que a situação se complica na medida que os governos, principalmente federal, criam programas e políticas públicas e repassam aos municípios a responsabilidade pela execução e, isso, acaba impactando na elevação da folha de pagamento, comprometendo as administrações que tem um limite de gastos, conforme a Lei de Responsabilidades Fiscal, que vem sendo fortemente vigiada pelo Tribunal de Contas e Ministério Público.
Visando orientar e alertar os prefeitos, informou que a presidência da Amsop contratou assessoria que fará visitas aos municípios, para ajudar os governantes em seus planejamentos de forma responsável, bem como, na conscientização da população sobre a realidade enfrentada. “A população sempre espera ampliação de serviços e investimentos, mas terá que ter consciência que isso não será possível neste momento”, disse ele.
Apesar da crise, explicou Schiavini, que a Amsop continua atenta as principais bandeiras da região, citando o Programa Leite Sudoeste, o aeroporto regional e a privatização da PRC 280. “ É necessário que se dê uma a definição para esse assunto pela importação deste Corredor Sudoeste”, ponderou o presidente da AMSOP
Por Portal RBJ




› Voltar

› Veja todas as noticias

PARCEIROS

PREVISÃO DO TEMPO

PROGRAMAÇÃO DO DIA

  • › 05:00 às 06:00 - Amanhecer no Sertão
  • › 06:00 às 06:05 - Oração da Manhã
  • › 06:05 às 06:50 - Amanhecer no Sertão
  • › 06:50 às 07:00 - O Homem e a Terra
  • › 07:00 às 07:30 - RVP Notícias 1ª Edição
  • › 07:30 às 10:00 - Bom Dia Cidade
  • › 10:00 às 11:50 - Alma da Terra
  • › 11:50 às 12:00 - A Voz da Esperança
  • › 12:00 às 12:05 - Prefeitura Municipal de Coronel Vivida
  • › 12:05 às 12:30 - RVP Notícias 2ª Edição
  • › 13:00 às 15:00 - Sementes da Nossa Terra
  • › 15:00 às 15:30 - A Hora da Misericórdia
  • › 15:30 às 17:00 - Show da Tarde
  • › 17:00 às 19:00 - Entardecer Musical
  • › 19:00 às 20:00 - A Voz do Brasil
  • › 20:00 às 22:00 - Raízes Sertanejas
  • › 22:00 às 23:00 - Experiência de Deus
  • › Veja toda a nossa programação