Ao vivo

Pallotti no Interior

com Abel Quadros e Cledi Troczinski

09:30 até as 12:00

a seguir:

Rádio Saudade

com Tiguera

12:00 até as 13:00

Notícias

Tenente-Coronel Dolenga assume o comando do Terceiro Batalhão da Polícia Militar de Pato Branco.

08/04/17 12:04

Nesta semana o Tenente-Coronel Robertinho da Luz Dolenga assumiu o comando do Terceiro Batalhão da Polícia Militar de Pato Branco. No entanto, a troca oficial do comando irá acontecer no próximo dia 25 de abril, com a presença do ex-comandante o Tenente-Coronel Everon César Puchetti Ferreira, que retornou para Curitiba.
No sub-comando do Batalhão permanecerá o Major Getúlio Ferreira de Lima. O Tenente-Coronel Dolenga, afirmou que com a equipe atual, que tem experiência, pretensões e objetivos determinados, pretendem fazer um bom trabalho em toda a microrregião de Pato Branco com relação à segurança pública.
Ele afirmou que o Terceiro Batalhão conta com 327 policiais distribuídos nos 16 municípios da área de abrangência e a meta é a diminuição do índice de criminalidade e violência. “Nós sempre trabalhamos com base nas estatísticas para prestar o melhor serviço à população. Com base nisso, é que faremos o nosso trabalho, direcionando ações e operações policiais sempre com o objetivo de reduzir o índice de criminalidade e violência nos municípios da microrregião de Pato Branco”, destacou.
Dolenga acrescentou que o alvo do trabalho policial é a comunidade, dando tranquilidade e paz social. Ele afirmou que o trabalho tem por objetivo diminuir os índices de furtos, entre outros crimes. “O que mais nos preocupa são os crimes que ocorrem com violência contra a sociedade, como roubo, homicídio e lesão corporal. Vamos trabalhar fortemente nisso, buscando verificar os locais e horários que existe potencial risco de ocorrências desse tipo de ilicitude e trabalhar forte nisso”, afirmou.
De acordo com Dolenga, é muito importante o trabalho com a sociedade com o objetivo de tirar as pessoas do mundo das drogas, que é uma janela para outros crimes. Ele disse que vão trabalhar com a sociedade para que também ajude a resolver os problemas de segurança pública desde a comunicação de delitos, falta de iluminação ou matagal próximo das residências para solucionar esse tipo de problema.
Com relação ao efetivo, Dolenga disse que o serviço policial é dinâmico, sendo necessária a intensificação das ações, mas também é preciso pensar na aplicação e carga de trabalho dos policiais. Ele afirmou que o efetivo não é o ideal e não tem previsão de um novo curso de formação de soldados no Terceiro Batalhão, mas os policiais conseguem dar uma resposta satisfatória à comunidade, com a intensificação das ações.
(Fonte: Diário do Sudoeste)
Por Valdenir Lima




› Voltar

› Veja todas as noticias

PARCEIROS

PREVISÃO DO TEMPO

PROGRAMAÇÃO DO DIA

  • › 06:00 às 07:00 - Encontro de Gerações
  • › 07:00 às 08:30 - Ricordi d´Itália
  • › 08:30 às 09:30 - Santa Missa da Matriz São Roque
  • › 09:30 às 12:00 - Pallotti no Interior
  • › 12:00 às 13:00 - Rádio Saudade
  • › 13:00 às 14:30 - Mistura Brasileira
  • › 14:30 às 15:30 - Músical Especial
  • › 15:30 às 18:30 - Transmissão de Futebol
  • › 18:00 às 18:05 - Oração da Manhã
  • › 18:30 às 20:30 - Cultivando a Tradição
  • › 20:30 às 22:00 - Retratos e Canções
  • › Veja toda a nossa programação