logo

A SEGUIR

"Super Paradão Sertanejo"

15:30:00 - 17:00:00

"Querência Gaúcha"

17:00:00 - 19:00:00

Dois suspeitos são detidos após denúncias de disparos de arma de fogo em linha Sede Ouro, interior de Sulina-PR. 2 armas de fogo e 3 lebres abatidas foram apreendidas

Na noite desta segunda-feira (22/11), por volta das 23h22min, após denúncias de que algumas pessoas estariam dando tiros no gado em uma fazenda localizada na Linha Sede Ouro, município de Sulina, equipes policiais militares deslocaram até ao local, onde foi dada voz de abordagem a 2 indivíduos que estavam em uma motocicleta Honda/XR, sendo identificado o condutor (42) e o passageiro (35), e com este último foram localizados 3 cartuchos cal. 12, deflagrados, uma faca medindo lamina 19 cm de comprimento, uma espingarda cal. 36, municiada com 2 cartuchos intactos, uma espingarda cal. 12 com 2 cartuchos intactos, uma cartucheira com 16 cartuchos cal. 12, intactos, um cartucho cal. 36, recarregado artesanalmente, uma lanterna e uma bolsa com 3 lebres já abatidas.

Diante do ilícito, foi dada voz de prisão aos abordados e encaminhados juntamente com o material apreendido para as providências legais cabíveis. Eles responderão por crime ambiental e porte ilegal de arma de fogo.

A Lei 9.605 de Crimes Ambientais, em seu Artigo 29 tipifica: Matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida. Pena: detenção de 6 meses a um ano, e multa.

A Lei 10.826/2003, do Estatuto do Desarmamento, em seu Art. 14 prevê o crime de Porte Ilegal de Arma de fogo de uso permitido, com pena de reclusão de 2 a 4 anos, e multa.

Topo