logo

A SEGUIR

"Super Paradão Sertanejo"

15:30:00 - 17:00:00

"Querência Gaúcha"

17:00:00 - 19:00:00

Dom Edgar envia indicações gerais para a Semana Santa 2020

Francisco Beltrão/PR, 27 de março de 2020

Prezados Sacerdotes, Diáconos, Religiosas/os e Fiéis Diocesanos!

Assunto: Indicações Gerais para a Semana Santa 2020 – Diocese de Palmas-Fco. Beltrão/PR

A Congregação para o Culto Divino determina como organizar os ritos do momento central para a fé cristã nos países afetados pelo Covid-19, incluído o Brasil. Onde as restrições estão em vigor, não será possível reunir os fiéis nas assembleias. A pandemia de Coronavírus exigiu do Dicastério para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos a elaboração de um Decreto com “indicações gerais” a serem seguidas na organização de celebrações que vão desde o Domingo de Ramos ao Domingo de Páscoa. Nossa Diocese seguirá com estas indicações. Em anexo estamos enviando algumas motivações e sugestões litúrgicas, para que as famílias possam celebrar desde suas casas, acompanhando pelos meios de comunicação (clique aqui).

1. Domingo de Ramos – 05 de abril de 2020 – A recordação da Entrada do Senhor em Jerusalém seja celebrada dentro do edifício sagrado; nas Igrejas Catedrais (Palmas e Francisco Beltrão) e nas Igrejas Matrizes. Com bênçãos dos Ramos. Sem procissão. Liturgia Normal. Ao longo do dia pode-se deixar os ramos abençoados na porta da igreja, a fim de que as pessoas possam buscá-los, com os devidos cuidados.

2. Espiritualidade do Clero e a Missa Crismal – 07 de abril de 2020 (Canceladas) – A Missa Crismal estamos pré-agendando para o dia 07 de junho, domingo, às 15h, durante o Congresso dos Ministros Auxiliares de Comunidades. Será uma graça, bispo, presbíteros, diáconos, religiosas/os, movimentos, pastorais, todos os fiéis, em especial com nossos ministros celebrar juntos os Óleos que nos ajudarão a curar as feridas do corpo e do espírito.

3. Quinta-Feira Santa – 09 de abril de 2020 – Nas Igrejas Catedrais e Matrizes celebração da Ceia do Senhor Normal. O lava-pés, já facultativo, omite-se. Pode-se motivar o gesto em família, conforme sugestão em anexo. No término da Missa na Ceia do Senhor omite-se a procissão e o Santíssimo Sacramento seja conservado no Sacrário. Não haverá a tradicional Vigília.

4. Sexta-Feira Santa – 10 de abril de 2020 – Nas Igrejas Catedrais e Matrizes celebração da Paixão do Senhor Normal. Acrescentar uma prece especial pelos doentes, pelos defuntos e por aqueles que sofreram alguma perda e pelos trabalhadores/as na Área da Saúde/Vigilância Sanitária e outros/as. Adoração da Cruz, na igreja, somente pelos que se encontrarem participando da Celebração. Motive-se as famílias para que diante do crucifixo realizem um gesto de adoração em suas casas, conforme sugestão em anexo. Não haverá Procissão e Via-Sacra encenada.

5. Vigília Pascal – 11 de abril de 2020 - Celebra-se apenas nas Igrejas Catedrais e Matrizes. Para o início da vigília ou Lucernário omite-se o acender do fogo, acende-se o círio e, omitindo a procissão, segue-se o precônio pascal (Exsultet). Segue-se a Liturgia da Palavra e Homilia. Para a Liturgia batismal, apenas se renovam as promessas batismais, sem batismo. Segue-se a Liturgia Eucarística e Liturgia Normal até ao final. Em anexo, algumas sugestões para que a família possa celebrar desde casa.

6.  Domingo da Páscoa da Ressurreição do Senhor – 12 de abril de 2020 – Nas Igrejas Catedrais e Matrizes celebração Normal, sem batismo e procissão.

Importante:

Se possível avisar aos paroquianos dos horários das celebrações a fim de que possam acompanhá-las pelas redes sociais (Tevês, Rádio, Face books e outros). Sugerimos que os horários das celebrações não sejam cancelados. Nalgumas matrizes celebra-se a Eucaristia diariamente. Vamos mantê-la, ou mesmo durante a semana, a missa da Saúde. Na medida do possível que nossas Igrejas permaneçam abertas para orações individuais, evitando sempre a aglomeração de fiéis.

COLETAS. Acolhendo algumas sugestões, a Presidência da CNBB submete à avaliação dos bispos as seguintes datas para a realização das coletas da Campanha da Fraternidade e para os Lugares Santos. A Coleta para os Lugares Santos: 14 e 15 de setembro, Exaltação da Sta. Cruz e Nossa Senhora das  Dores a Coleta para a Campanha da Fraternidade: 16 e 17 de novembro, Dia Mundial dos Pobres. São propostas e nossa diocese acatará as indicações da CNBB estas acimas ou outras...

Diletos sacerdotes. Para as principais celebrações, ou seja, na Semana Santa, convidem até seis pessoas para os serviços litúrgicos (leituras e cânticos), com os critérios que hoje nos são solicitados pela Vigilância Sanitária.

Caros irmãos/as! Unidos em Jesus Cristo, no seu itinerário pascal, com todos os que sofrem a dor, a paixão e a morte, vítimas da pandemia do Coronavírus, na esperança da Ressurreição, fraternalmente!

Dom Edgar Ertl sac - Bispo Diocesano

Topo