logo

A SEGUIR

"Pallotti no Interior"

09:30:00 - 12:00:00

"Rádio Saudade"

12:00:00 - 13:00:00

Há 50 anos era inaugurada a rodovia Pato Branco-Três Pinheiros, a primeira rodovia asfaltada do Sudoeste do Paraná

Dia 30 de maio de 1970, um sábado como hoje, era inaugurada a rodovia Três Pinheiros-Pato Branco, ligando por asfalto o Sudoeste do Paraná à BR-277, em Guarapuava. A obra foi iniciada em outubro de 1968, e cobriu mais de 120 quilômetros. O governador do Estado do Paraná, Paulo Cruz Pimentel (1965 -1970), diversas autoridades, ente elas o presidente da Assembleia Legislativa, deputado pato-branquense Ivo Thomazoni (era o Ademar Traiano de hoje), e “mais de cinco mil pessoas, que acorreram até aquele local”, conforme registrou o jornal beltronense Tribuna do Sudoeste do dia 6 de junho de 1970.
A comitiva de Paulo Pimentel passou por Pato Branco e Coronel Vivida, até chegar no local onde ocorreria a inauguração, sobre a antiga ponte do Rio Iguaçu, que está submersa desde 1980 por causa da construção da Usina de Salto Santiago, em Saudade do Iguaçu. As solenidades iniciaram ao meio-dia e encerram às 14h, com a abertura da rodovia.
Um churrasco foi servido para todas as autoridades e as cinco mil pessoas que estiverem presentes para a inauguração.
A matéria da Tribuna do Sudoeste registrou que aquela estrada asfaltada, primeira do Sudeoste, “é o mais vigoroso impulso que o governo dá para nossa região” e encerra anotando que “ficou o dia 30 de maio marcado no calendário histórico do Sudoeste, pois, sem sombras de dúvidas, é a partir desta data que surge uma nova era no nosso desenvolvimento”.

Em 50 anos, de 84 para 1.500 quilômetros de asfalto
Aquele primeiro trecho, inaugurado em 1970, era de 84 quilômetros dentro do Sudoeste (da ponte do Rio Iguaçu até a cidade de Pato Branco). Hoje, em todo o Sudoeste, são aproximadamente 1.500 quilômetros de estradas asfaltadas, entre estaduais e federais.
Segundo informações do Escritório Regional Centro Sudoeste (CRCS) do DER, são cerca de 600 quilômetros de estradas estaduais da microrregião de Francisco Beltrão e mais cerca de 600 da microrregião de Pato Branco, na área do Escritório Regional Vale do Chopim. Somando ainda as estradas federais, dá de 1.450 a 1.500 km.
Vale anotar que todas as 42 cidades da região estão ligadas com estradas asfaltadas.

*Flávio Pedron, Ivo Pegoraro e Jônatas Araújo

Topo