logo

A SEGUIR

"Rádio Saudade"

12:00:00 - 13:00:00

"Mistura Brasileira"

13:00:00 - 14:30:00

Escolas privadas vão retornar com rodízio; prioridade é para alunos da Educação Infantil e vestibulandos

Aulas na rede privada devem ser retomadas em agosto, junto com as aulas na rede pública. O retorno depende de autorização das autoridades sanitárias e dará prioridade aos alunos da educação infantil e aos vestibulandos.

As instituições de ensino privado do Paraná avaliam o retorno às aulas apenas em agosto. Segundo o Sinepe, Sindicato das Escolas Particulares do Paraná, a decisão segue as orientações do Governo Estadual e a escolha dos pais dos alunos, determinada por meio de uma pesquisa. A presidente do sindicato, Esther Cristina Pereira, explicou que a retomada gradual funcionaria em um sistema de rodízio.

A presidente também informou que a volta às aulas será focada num primeiro momento na Educação Infantil e no último ano do Ensino Médio.

Segundo Esther Pereira, já são mais de 100 dias sem aula, enquanto isso, pais que precisam sair para trabalhar tem que deixar seus filhos com cuidadores, que atendem de forma improvisada.

A presidente do Sinepe também lembra que o retorno gradual é importante para que alunos e a equipe escolar se adaptem à nova situação, que incluem medidas de distanciamento e higienização.

 

Topo