ALEP: Governo pede CPI sobre concurso cancelado e educação vira atividade essencial

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Hussein Bakri (PSD), pediu a abertura de uma CPI para apurar o cancelamento do concurso da Polícia Civil do Paraná. A prova, que deveria ser realizada pela UFPR estava prevista para este domingo e foi suspensa horas porque, segundo o Núcleo de Concursos da universidade, não havia condições sanitárias que garantissem a segurança dos candidatos e aplicadores das provas contra a covid-19. 106 mil candidatos fariam o concurso em aproximadamente 300 locais de provas em Curitiba e Região Metropolitana.

 A primeira fase do Vestibular da UFPR está marcada para o próximo domingo e o cancelamento do concurso gerou dúvidas sobre a manutenção ou não da prova.  A assessoria da UFPR informou que a aplicação do vestibular será avaliada após a sequência dos fatos e que qualquer outra informação seria precipitada.

Para os deputados da oposição, que eram contrários ao retorno das aulas presenciais no estado, a situação mostrou que o ambiente escolar ainda não está preparado para receber alunos. 

Na sequência, a educação se tornou atividade essencial no Paraná, lei proposta pelo Governo Estadual, com votação da redação final de 6 votos contrários contra 38 a favor. 

Topo